28 Jun 2019• Por Equipe Vitrine da Joia

Shadowban: como saber se estou na lista negra do Instagram

Atenção a estes sintomas:

 

1. Você sentiu uma queda brusca nas curtidas dos seus posts no Instagram?

2. O número de pessoas que visualizam seus Stories caiu pela metade ou mais?

3. Você tem perdido vários seguidores ao longo dos dias?

4. Seus clientes dizem que não te acham na aba Explorar do Instagram?

 

Pois saiba que sua conta pode ter sido afetado pelo shadowban!

 

Daí você me diz: “Andreza... está acontecendo exatamente isso no meu Instagram! O que eu faço agora?” Antes de entrar em desespero, vou te explicar o que é shadowban: é uma espécie de punição que o Instagram aplica a contas ou posts isolados que infringem algumas regras de uso de hashtags ou usam a conta de forma considerada spammer ou incorreta pela rede social. Com isso, suas postagens perdem drasticamente o alcance aos seus seguidores e não aparecem na aba Explorar. Isso é uma forma de fazer com que seu Instagram desaparece sem que você perceba.

 

Você pode não acreditar, mas o Instagram é uma rede social extremamente inteligente e possui inteligência suficiente para saber se sua conta é relevante ou não. A isso, damos o nome de algoritmos que “calculam” a relevância do seu Instagram e é capaz de aumentar ou diminuir a entrega de suas postagens de forma orgânica.

 

Apesar de não ser uma prática confirmada pelo próprio Instagram, um dos motivos pelos quais uma conta é afetada pelo shadowban é fazer uso de hashtags banidas, que são aquelas denunciadas por usuários por serem usadas para finalidades pornográficas, racistas, homofóbicas ou que incitam qualquer prática não considerada legal pelas regras da própria rede social. Um exemplo de hashtag banida é a palavra SEXTOU, muito utilizada pelos brasileiros para anunciar a chegada do final de semana, mas por ter o prefixo SEX, também acabou sendo utilizada para outras finalidades.

 

Contas que utilizam softwares para seguir / deixar de seguir, contas que compram seguidores ou tentam “encurtar” o caminho para conseguir mais seguidores e crescer de forma que não seja natural, são contas consideradas spammers pelo Instagram e, apesar de não sofrerem necessariamente com o shadowban (ou seja, não desaparecem nas buscas), entram em uma espécie de lista negra e têm o alcance orgânico reduzido drasticamente. E você já sabe o final dessa história: alcance reduzido significa que menos pessoas veem seus posts, o que reduz suas possibilidades de vendas pela rede social.

 

Leia também, Instagram: as principais mudanças da mídia social preferida por quem trabalha com semijoia

 

E o que faço então para sair dessa lista negra do Instagram?

 

O primeiro passo é saber se você foi afetado pelo shadowban! Uma forma de verificar isso é fazer uma postagem no Instagram e utilizar as hashtags que você mais costuma utilizar. Feito isso, peça para algumas pessoas que não te seguem procurarem pela hashtag na aba Explorar. Se você for encontrado nas postagens dessa hashtag, você não foi afetada pelo shadowban. Mas cuidado com hashtags muito utilizadas no mundo todo! Pode ser que você não apareça por ter muitos usuários usando ao mesmo tempo. O ideal é sempre optar pelas palavras mais específicas e que tenham a ver com a sua postagem.

 

Se por acaso você verificou que sofreu shadowban, procure tirar das suas postagens essas hashtags, fique alguns dias sem postar, curtir nem comentar nada em sua conta e desabilite qualquer tipo de software que segue, curte ou comenta por você.

 

Agora, se você não sofreu shadowban, mas percebeu que o alcance de suas postagens diminuiu, fique atento a esses pontos para ter uma conta considerada relevante pela rede social:

 

1. Faça postagens que ajudem seus seguidores, como explicar como se usa, como se guarda, como se limpa uma peça. Informar sobre tendências e novidades também é bem interessante.

 

2. Interaja com seus seguidores por mais “boba” que possa parecer uma pergunta. Quando você interage com seus seguidores o Instagram percebe que você está lá para dar o suporte que eles precisam e não quer só vender a qualquer custo.

 

 

3. Não queira só vender nas suas postagens. Como eu disse anteriormente, os consumidores não se conectam mais com marcas que querem vender a qualquer custo e o Instagram percebe isso através das suas postagens.

 

4. Incentive seus seguidores a te chamarem pelo direct e responda TODAS as chamadas que tiverem lá.

 

5. Por fim, faça uso dos stories com enquetes, perguntas e utilize os recursos disponíveis para interagir com seu público. Lembre-se que a venda é consequência de um bom relacionamento e um bom relacionamento é tudo o que o Instagram quer!

 

Texto: Andreza Leite

 

Mais de uma centena de pessoas estão tendo resultados, aumentando as suas vendas em até 10x em 3 meses e com uma carteira de clientes realmente apaixonadas pelas suas marcas. Se você quer ter esses resultados, conheça o MÉTODO VITRINNE,  o maior e melhor curso do mercado para quem quer ter uma marca de semijoias de sucesso.

 

Comentários via Facebook

Comentários

Seu e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com asterisco (*).



Assine nossa newsletter

Últimas do Instagram